Verdades Bíblicas
Inscreva-se

“Pedir com fé” (PDF) Edição em PDF

“Pedir com fé”

Examinamos anteriormente Tiago 1:5 que fala sobre pedir a Deus por sabedoria. Continuando na mesma passagem, lemos:

Tiago 1:5-8
“E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada. Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; porque o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte. Não pense tal homem que receberá do Senhor alguma coisa. O homem de coração dobre é inconstante em todos os seus caminhos.

Como vimos em partes anteriores, para que alguém receber de Deus, é necessário i) para pedir a Ele e ii) o que ele pede para ser segundo a Sua vontade. Agora, além disso, uma terceira condição que é adicionado aqui é a fé. Como a passagem acima nos diz se um homem não é pedindo a Deus na fé ele não vai receber nada Dele. Agora a respeito do significado da fé, a frase “Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando” (Tiago 1:6) coloca a fé e a dúvida frente uma a outra. Assim, quando nós confiamos em Deus temos fé e quando duvidamos Dele nos falta. A fé, portanto, é a confiança que temos em Deus e pelo qual nós damos a Ele permissão para agir em nossas vidas. A falta de fé não minimiza o poder de Deus para nos ajudar. Deus tem o mesmo poder se temos fé ou não. No entanto, se nós permitimos que Ele utilizasse Seu poder em nossas vidas depende da nossa confiança nele. Você não abra sua porta para alguém se você não confia nele. Da mesma forma, você não permite que Deus entre e aja se você não confia nele, ou seja, se você não crê Nele.

Como Mateus 13:58 nos diz, caracteristicamente, quando Cristo foi para a sua própria pátria, “não fez ali muitas maravilhas, por causa da incredulidade deles”. É claro que Cristo era capaz de fazer as mesmas obras lá como ele fez em qualquer outro. No entanto, o povo daquela região não permitiu que isso, por causa da incredulidade deles.

Voltando agora para a magnitude da fé que é necessária para receber de Deus, Mateus 17:20 deixa claro que até mesmo a menor fé é suficiente para as maiores coisas. Realmente, lá lemos:

Mateus 17:20
“se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e há de passar; e nada vos será impossível.”

e Marcos 11:24 também nos diz:
“Por isso vos digo que todas as coisas que pedirdes, orando, crede receber, e tê-las-eis.”

De acordo com Bullinger e Zodhiates a frase “grão de mostarda” é uma frase proverbial para a menor coisa possível1. Assim, segundo Jesus, a fé mesmo tão pequena quanto um grão de mostarda é suficiente para mover montanhas e fazer acontecer tudo o que pedimos de Deus se, como I João 5:14-15 nos diz, o que pedimos está em alinhamento com a vontade de Deus. É essa última condição que muitas vezes não é levada em conta, e nós nos preocupamos por que não recebemos “qualquer coisa que pedimos quando oramos” , embora nós podemos tanto orar e ter fé por eles. A razão é que não é suficiente orar e ter fé por algo. Também é necessário que você ore e creia que seja a vontade de Deus. Se for realmente a vontade de Deus, então, mesmo que com uma fé pequena como um grão de mostarda é o suficiente para acontecer. Se, no entanto, o que oramos não está em alinhamento com a vontade de Deus, então, mesmo a maior crença não causará nada, pelo menos pela parte de Deus. Portanto, a equação não é “crer = receber”, mas “Eu tenho fé em relação ao que eu já sei que é a vontade de Deus, e eu recebo isso” Portanto, a fé não é um processo pelo qual eu me convenço de que vou receber de Deus tudo o que vem à minha cabeça. Em vez disso, é a minha confiança nele, expressada pelos meus atos através do que faço que eu já sei como Sua vontade. Portanto, se o Senhor me diz que algo não é Sua vontade e, portanto, eu não deveria fazer nada, se eu realmente seguir a Sua instrução e não fazer nada, então eu cri nele. Em primeiro lugar, portanto, você tem a Palavra, a vontade, de Deus (escrita ou falada através da revelação) por algo e ENTÃO você acredita nisso e age de acordo com o que ela diz.

Anastasios Kioulachoglou

 



Notas de Rodapé

1. Veja E.W.Bullinger: “A Critical Lexicon and concordance to the English and Greek New Testament”, Zondervan Publishing House, 1975, p. 513 e Spiros Zodhiates: “The Complete Word Study Dictionary”, AMG Publishers, 1993 p. 1290.